Bull Dancing chega ao Rio de Janeiro

Bull_dancing O espetáculo Bull Dancing, com direção geral do piauiense Marcelo Evelin, chega ao Teatro Cacilda Becker (Rua do Catete, 338 – Lg. do Machado) no dia 26 de janeiro, ficando em cartaz até dia 28, às 21h. Entre os meses de janeiro e fevereiro serão ao todo 13 apresentações, em seis diferentes estados: Piauí, Distrito Federal, Bahia, Rio de Janeiro, São Paulo e Paraná.

Misturando a realidade humana a elementos do bumba-meu-boi, Evelin "desconstrói" o rito desta manifestação popular, propondo uma reflexão. No espetáculo, o corpo serve como metáfora para esse boi sagrado e profano em cada um de nós: visceral, violável, transmutável, temporal, único e universal. “É um espetáculo de carne e osso sobre nossos rituais diários de morte e ressurreição. Abordamos questões atuais do ser humano, desnudando confrontos individuais e sociais, com os intérpretes (in)corporando suas próprias histórias de violência e fragilidade, de desejo feroz e dúvida cruel, de alegrias e esperanças triviais, em um campo de batalha entre o animal e o racional”, completa Marcelo Evelin.

Bull Dancing é uma co-produção entre o Teatro João Paulo II e o Teatro Hetveem, de Amsterdam, Holanda. O elenco inclui os músicos/interprétes piauienses Sérgio Matos, Josh.S e Fábio Crazy da Silva, que se uniram à Monika Haasova (Eslováquia) e Márber Ramos (Minas Gerais). A assistência de direção é de Alex Guerra e a dramaturgia é de Loes van der Pligt (Holanda). A arte é assinada pelo artista plástico/ator e diretor Urias de Oliveira (São Luís do Maranhão) e o trabalho de produção é de Klayton Amorim e Regina Veloso.

Em cada cidade por onde o espetáculo passará, está previsto um Bate-Papo entre o elenco e o público que desejar permanecer para a interação, com mediação de um nome da cena cultural local. No Rio, a jornalista e crítica de dança Nayse López conduzirá o bate-papo com o público no sábado. Em São Paulo e Curitiba, também serão realizados Wokshops de Improvisação e Composição Coreográfica com Marcelo Evelin, com inscrições gratuitas e limitadas.

Mais informações para a imprensa com Luiz Pedrosa (21 2527-1805 e 9358-8886) e Mônica Riani (21 2235-5575 e 9345-0351).