Mês da Dança em Loulé | Mês da Dança em Loulé

No dia 16 de Abril, às 21h30, a Companhia de Dança de Sintra sobe ao palco com a peça Amo-te, um espetáculo intenso de dança, música (ao vivo), arte circense e multimídia, coreografada por Lucília Baleixo e com música baseadas em temas dos Xutos e Pontapés. No dia 29, a partir das 21h30, o Cine-Teatro Louletano recebe a estréia mundial da peça Lágrimas de Inês, da Companhia CriaDança.
Para encerrar o Mês da Dança que no dia 30 de abril, pelas 21h30, a Companhia de Dança Vórtice, uma das mais jovens e prestigiadas de Portugal. Com coreografia da dupla Cláudia Martins-Rafael Carriço, um solo masculino, O Rei Perdido, e um trabalho de grupo, O Buda Adormecido, estreados respectivamente em a Ópera de Bucareste (Romênia) e o Centro de Artes e Espetáculos da Figueira da Foz.
No dia 16 de Abril, às 21h30, a Companhia de Dança de Sintra sobe ao palco com a peça Amo-te, um espetáculo intenso de dança, música (ao vivo), arte circense e multimídia, coreografada por Lucília Baleixo e com música baseadas em temas dos Xutos e Pontapés. No dia 29, a partir das 21h30, o Cine-Teatro Louletano recebe a estréia mundial da peça Lágrimas de Inês, da Companhia CriaDança.
Para encerrar o Mês da Dança que no dia 30 de abril, pelas 21h30, a Companhia de Dança Vórtice, uma das mais jovens e prestigiadas de Portugal. Com coreografia da dupla Cláudia Martins-Rafael Carriço, um solo masculino, O Rei Perdido, e um trabalho de grupo, O Buda Adormecido, estreados respectivamente em a Ópera de Bucareste (Romênia) e o Centro de Artes e Espetáculos da Figueira da Foz.